Vacinação contra Febre Amarela em portadores de Diabetes

A vacinação contra a febre amarela em portadores de diabetes está livre de risco, desde que não existam as contraindicações formais à vacina, tais como, alergia a componentes da vacina ou doença febril aguda grave. No caso de descompensação das glicemias e sistema imunológico comprometido de forma significativa, a vacinação com vacinas de vírus vivos atenuados deve ser cuidadosamente considerada e avaliada em relação aos riscos de exposição a todos e cada agente infeccioso específico. Não há motivo para ter medo da vacinação em pacientes diabéticos, desde que sejam respeitadas as contraindicações gerais. Pelo contrário, este grupo de risco pode se beneficiar da vacinação de forma mais significativa. Recomendações aplicáveis à avaliação da segurança de uso da vacina contra febre amarela em pacientes com diabetes: 1. Avaliar risco/benefício; 2. Não há registro de maior número ou maior gravidade de eventos adversos em pessoas com diabetes; 3. Assim, se a pessoa eventualmente se expõe ao risco de adquirir a doença (viver ou se dirigir para áreas rurais, onde circula o vírus entre macacos e mosquitos silvestres ou visitar países africanos ao sul do Saara), a vacina é recomendada. Fonte: SBD


RECEBA

AS NOVIDADES

POSTS RECENTES

WhatsApp arnaldo ferreira